domingo, 3 de abril de 2011

Exercícios de Sucessões - Teste seus conhecimentos !



INSTRUÇÕES:

Em cada uma das hipóteses diga como serão divididas as heranças, em valores monetários, o modo de suceder e de partilhar a herança de cada beneficiário.


1-Fabrício falece e deixa um monte mor de R$ 600.000,00 (seiscentos mil reais). Como será dividida sua herança, caso ocorram as seguintes hipóteses:


a)Se deixar um irmão, de nome Geraldo, dois sobrinhos, Afonso e Rogério, filhos de um irmão pré-morto , chamado Gustavo, e três sobrinhos-netos, de nomes Rafael, Raquel e Igor, filhos de um sobrinho pré-morto, de nome Amaro, e netos de um irmão pré-morto de nome Álvaro.


b) Se deixar um tio vivo, de nome Orlando, e dois primos vivos, Renato e Rafael, filhos de um tio pré-morto de nome Rodolfo.


c) Se deixa mulher, Alice, com quem era casado pelo Regime da comunhão universal de bens, dois irmãos vivos de nome Apolônio e Adolfo, e um sobrinho, Cláudio, filho de irmão pré-morto.


d) Se morrer deixando o cônjuge, Alice, casada pelo regime da comunhão universal de bens, e dois avós paternos de nome Ismael e Lindaura.

 

2-Carlos tinha uma companheira de longos anos de nome Márcia e veio a falecer ab intestato em maio de 2010. Como será partilhada a sua herança, pelas disposições legais, se ocorrem as seguintes hipóteses:


a) Se Carlos tinha R$ 300.000,00 (trezentos mil reais) de patrimônio, adquiridos antes da união estável; se adquiriu um patrimônio de R$ 400.000,00 (quatrocentos mil reais) na constância da união estável, e se morrer deixando três filhos, nascidos da união, de nomes Carlos, Rodrigo e Mirian.


b) Se Carlos tinha R$ 300.000,00 (trezentos mil reais) de patrimônio, adquiridos antes da união estável; se adquiriu um patrimônio de R$ 140.000,00 (cento e quarenta  mil reais) na constância da união estável, e se morrer deixando três filhos, nascidos de relação anterior à união estável, de nomes Renato, Fernando  e Mônica.


c) Se Carlos falecer sem filhos, deixando um patrimônio de  R$ 500.000,00 (quinhentos mil reais), se receber um legado no valor de R$ 100.000,00 (cem mil reais), ambos adquiridos na constância da união, e se deixar um tio de nome Rodrigo.


d)Se ocorrer a mesma hipótese da letra C, mas se o tio Rodrigo for pré-morto ao de cujus.


3- Romeu, casado com Teresa, pelo regime da comunhão universal de bens, teve três filhos, Ricardo, Paulo e Beatriz, e morreu, ab intestato, deixando um monte mor de R$ 120.000,00 (cento e vinte mil reais). É de se dizer que Ricardo já era falecido quando da morte de seu pai e tinha três filhos, Ana, Flávia e Maria, netos de Romeu. Sendo que Flávia tinha uma filha de nome Bárbara, bisneta de Romeu. Paulo, por sua vez, tinha três filhos, Clarisse, Antônio e Wilson, netos de Romeu. Beatriz não tinha filhos.


a) Se Ricardo renunciar a herança de Romeu através de testamento


b) Se Flávia houvesse renunciado a herança do pai. . Paulo e Teresa tivessem sido declarados indignos de receber a herança. E se Beatriz morresse em comoriência com seu pai.


c) Se Paulo renunciar à herança de seu pai


d)Se todos os filhos e netos renunciarem à herança de Romeu e se ele tivesse deixado seus dois avós paternos vivos.


4- Antônio, casado pelo regime da comunhão parcial de bens com Beatriz, adquiriu onerosamente na constância do casamento um patrimônio de R$ 400.000,00 (quatrocentos mil reais) e recebeu um legado no valor de R$ 300.000,00 (trezentos mil reais) de um de seus tios. Como será partilhada sua herança se:


a) Antônio morrer, ab intestato, deixando, além da mulher, quatro filhos de anterior casamento.


b) Antônio morrer, ab intestato, deixando, além da esposa, quatro filhos comuns com a mesma.


c) Antônio morrer, ab intestato, e se Beatriz tiver quatro filhos de casamento anterior.

 

5- Augusto, companheiro de Bianca, tem um patrimônio adquirido na constância da união estável, avaliado em R$ 400.000,00 (quatrocentos mil reais) e recebeu um legado no valor de R$ 300.000,00 (trezentos mil reais) de um de seus tios. Como será partilhada a herança se:


a) Augusto morrer, ab intestato, deixando, além da companheira, dois filhos de anterior casamento.


b) Augusto morrer, ab intestato, deixando além da companheira, três filhos comuns com a mesma. 


-- 

Fonte:
Este exercício foi enviado ao meu email pelos alunos da ESN-Escola Superior de Negócios (www.esnbh.com.br); Professora Carolina de Castro Jannotti ; 9º Período.

Um comentário: